30 Mar 2015

Suíça recebe o Nada a Perder 3

0 Comentários

Mais de mil pessoas, provenientes de todo o país, fizeram questão de marcar presença no M.I.R., um dos locais mais emblemáticos da cultura suíça.

M.I.R.: Vítima das perseguições católicas na França, João Calvino fugiu para a Suíça, em 1533, tornando Genebra o centro do protestantismo europeu. João Calvino permanece, desde então, como uma figura central da História da cidade de Genebra e da Suíça. Em 1536, o genebrinos declararam-se protestantes e proclamaram a sua cidade uma república, a República de Genebra. Todos estes factos, encontram-se registados através de documentos, quadros, fotos e manuscritos no Museu da Internacional Reforma (M.I.R.) protestante, em Genebra, na Suíça.

Não havia uma melhor escolha para o lançamento do livro “Nada a Perder 3” do Bispo Macedo aqui na Suíça. Pois, assim como os homens que fizeram parte da Reforma, o bispo Macedo, através de sua crença na Palavra de Deus e numa Fé viva e eficaz, tem revolucionado a vida de milhares de pessoas pelo mundo inteiro.

Nem a chuva que se fazia sentir no Domingo, dia 29 de Março, às 15h, impediu as imensas filas à entrada do museu, que eram prova de que a chegada do livro na Suíça era aguardada com grande expectativa.

Em entrevista, o Bp Eduardo Bravo, que também é citado no livro do bispo Macedo, disse: “Realizar o Lançamento do Livro NADA A PERDER 3 no Museu Internacional da Reforma tem um simbolismo muito grande. O Museu conta a história de Martinho Lutero, João Calvino e hoje está contando a história do Bispo Macedo.
O bispo Macedo, com Fé, coragem, sacrifício e perseverança, fez uma revolução espiritual no Brasil e no mundo, então, o Lançamento do Livro NADA A PERDER, não poderia ter sido feito em qualquer outro lugar aqui na Suíça.”

O lançamento contou com a presença de mais de 1.000 pessoas, vindas de diversas cidades de toda a Suíça. A senhora Isabelle Graesslé, presidente do Museu, estava muito satisfeita. “Até hoje, o M.I.R. contou a história do passado, e hoje está, pela primeira vez, está a contar a história do presente, da Fé atual que move a vida das pessoas.”

Mais de 3.000 exemplares foram vendidos. O escritor brasileiro, Paulo Coelho, que reside na Suíça, também marcou presença no Lançamento e recebeu de Eduardo Bravo um exemplar de cada livro da trilogia NADA A PERDER.

O Bispo Eduardo Bravo, representante do Bispo Macedo na Suíça, realizou a sessão de autógrafos. Foi uma tarde inesquecível, para todos que desejavam, com entusiasmo, tomar posse desta obra que, com certeza, trará importantes lições de vida.

[topo]
Deixe uma resposta